terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Balão de ar quente



Não tenho mais inspiração,
Só há ar no balão.
Não vou falar do coração,
Nem cantar uma canção...

Hoje fico a pensar sem pensar,
Hoje não,
Não quero saber a razão.

2 comentários:

Leonardo B. disse...

[esse estado de espírito, esse recolher, lembraram-me os versos duma canção dos Rádio Macau, o Manual de Sobrevivência:

«Também eu já
Senti não haver
Lugar ou espaço
Esperança para ter...

Também eu sei
Da raiva a nascer
Por tantos gritos
Ter que conter...

Mas sei também que fora de nós
Não há salvação
Resta-nos então
Dar asas ao que se inventa

Finge, esquece, engana o desencanto
Brinda, por ti, por hoje e por enquanto
Finge, esquece, engana o desencanto
Brinda, por ti...»

... porque é urgente]

um imenso abraço, Susana

Leonardo B.

SusanaPacheco. disse...

Obrigada pela relação com a música Leonardo.
Realmente diz-me muito ;)
Abraço!