quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Escrita de magia

Quero sair deste ciclo
vicioso e viciante
que me faz sentir menina
e não a mulher errante.

Só a poesia liberta
e tem o tema que eu lhe quiser dar
não me prende nem subjuga
não me humilha nem quer em mim mandar.

Preciso de vós, versos meus
que nem sei o que dirão
antes de dentro de mim saírem.
Precisa de vós, meu coração
que dói mesmo sem razão;
e só é completo na minha poesia,
com esta escrita de magia.