quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Emboscada


Oh, o que sabes tu?
Nada, nada, nada.

Queria tapetes daqueles que voam
Mas acabei por cair da escada.

No fim vais me agradecer
Pobre, que andaste enganada.

Agora é levantar a cabeça
Engolir o choro.

A presa matou o caçador
Fim da emboscada.

Sem comentários: